sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

paladares

sucintas palavras
agridoces

silenciaram os desejos…

2 comentários:

Marta Vasil disse...

Estranha forma de silenciar os desejos!

Abraço

Brisa em ti disse...

desejos silenciados
poesia calada
interior renovado

brisa madrugada