sábado, 21 de março de 2009

dia da Poesia

enterrei machados
e outras armas banais
num vácuo do tempo.

libertei a voz,
da alma, na poesia…

3 comentários:

Marta Vasil disse...

"libertei a voz,
da alma, na poesia…"

E a poesia agradece!

MV

Vera disse...

A poesia é liberdade!

Beijo

Tatiana disse...

Viva a poesia!

Um belo final de semana para você e para todas as pessoas que estão em seu coração!

Um beijo carinhoso